Notícias
No segundo duelo seguido, Fluminense passa pelo Cruzeiro com goleada
Mano reconhece erros e diz que equipe tem que saber ouvir as críticas para melhorar
19/05/2019 - 11:53

Após se enfrentarem pela partida de ida da Copa do Brasil, na última quarta-feira, Cruzeiro e Fluminense mediram forças novamente na noite deste sábado. Em partida válida pela quinta rodada do Brasileirão, os times se encontraram novamente no Maracanã, no Rio de Janeiro. Entretanto, o resultado não era o esperado para a equipe celeste, que acabou derrotada por 4 a 1.

Aos 9 minutos de partida, o Cruzeiro teve sua primeira chance de gol. Em contra-ataque puxado por Pedro Rocha, Robinho recebeu a bola e tocou para Rodriguinho, que arriscou da entrada da área e mandou a bola muito perto do gol. Após cobrança de escanteio, ao 17 minutos, o Fluminense chegou com Léo, mas Fred conseguiu proteger e deixou a bola ir por cima do gol. Cinco minutos depois, Pedro Rocha recebeu dentro da área e arriscou na saída do goleiro Agenor, que fez a defesa para escanteio. Mesmo criando chances, a Raposa não conseguiu chegar ao gol, e acabou pagando o preço no fim do primeiro tempo. Aos 44 minutos, o Fluminense cobrou escanteio e Nino colocou pra dentro de cabeça.

Na volta para a segunda etapa, um susto para o Cruzeiro. Antes que o primeiro minuto fosse completado no relógio, Luciano recebeu na área e aproveitou a chance para ampliar o placar para os tricolores. No lance seguinte, a equipe estrelada aproveitou erro na saída de bola e diminuiu. Pedro Rocha bateu para a área e a redonda chegou até os pés de Robinho, que balançou as redes com segurança. O Fluminense chegou com bastante perigo aos 18 minutos, quando Matheus Ferraz arriscou da entrada da área e o goleiro Rafael fez espetacular defesa. Aos 35 minutos, o jovem atacante tricolor, João Pedro, desviou para o gol de cabeça e ampliou o placar para 3 a 1. Já nos acréscimos da partida, o mesmo jogador marcou outro tento, sem chances de defesa para o goleiro Rafael. Fim de jogo no Maracanã.

O treinador estrelado considerou que sua equipe fez partida melhor do que o confronto de quarta-feira, mas ressaltou que devem ouvir as críticas para melhorar o trabalho. “Nós empatamos, na quarta-feira, e jogamos menos do que jogamos hoje, quando tomamos 4 a 1. Hoje, o Cruzeiro teve sete oportunidades de gol. Na quarta-feira, tivemos apenas uma, produzimos muito pouco. Hoje, produzimos muito mais. Ao meu ver, no primeiro tempo, deveríamos ter saído com a vitória. Mas não saímos. E agora é a hora de apanhar, temos que apanhar, temos que ser criticados. Temos que saber, com grandeza, ouvir as críticas, aceitá-las, e trabalhar para as coisas mudarem. Isso não é normal nosso. Nem me lembro a última vez que uma equipe minha tomou quatro gols", afirmou Mano.

Durante a próxima semana, o Cruzeiro estará livre para trabalhar a equipe para o próximo confronto pelo Campeonato Brasileiro, que acontece no domingo. O time enfrentará a Chapecoense, às 19 horas, no Mineirão.


• Notícias Anteriores
• Últimas Notícias

21/04/2020 - 18:09:22

05/04/2020 - 14:04:17

19/02/2020 - 11:04:31

30/11/2019 - 15:30:54

29/11/2019 - 16:59:54

29/11/2019 - 11:22:34

29/11/2019 - 11:20:22

29/11/2019 - 11:18:58

28/11/2019 - 22:36:32

28/11/2019 - 21:53:27

28/11/2019 - 10:49:37

27/11/2019 - 15:56:17

27/11/2019 - 10:45:37

27/11/2019 - 10:43:12

26/11/2019 - 16:58:17

26/11/2019 - 14:19:38

26/11/2019 - 14:16:12

25/11/2019 - 17:49:37

25/11/2019 - 15:34:44

25/11/2019 - 15:27:33

24/11/2019 - 19:53:47

24/11/2019 - 19:47:31

24/11/2019 - 19:46:45

23/11/2019 - 17:05:06

23/11/2019 - 16:56:56